Sonhos !!! Procure fazê-los

Pois bem, 2017 se foi e um novo ano se inicia.

Se você é como a maioria das pessoas deve ter feito a famosa Lista de Resoluções para o ano.

E, sem querer parecer terrorista, você irá abandonar essa mesma lista nos próximos dias e será engolido pela rotina dos seus dias e de seus comportamentos e hábitos. Este ciclo irá se repetir indefinidamente, ao menos que você mude o padrão.

Recentemente assisti uma palestra onde uma jovem apresentava um projeto (https://www.youtube.com/watch?v=WDbxqM4Oy1Y) onde entrevistava pessoas fazendo uma única pergunta:

O que você deseja fazer antes de morrer?

Este mesmo conceito é apresentado no excelente filme chamado “Lista de Desejos” (Bucket List), narra a história de dois amigos que recebem a notícia que irão morrer em um determinado tempo e resolvem fazer neste tempo tudo que deixaram de fazer em seu passado… vale a pena assistir!

É uma excelente pergunta para revisar a sua lista de resoluções deste ano.

Cérebro: o grande sabotador

Um dos motivos que grande parte das resoluções de ano novo é deixada de lado em um curto tempo é a arquitetura de nosso cérebro, que é organizado para sempre nos proteger do que ele entende que é desconfortável, incerto (novo) ou inseguro. E tudo que é fora da sua rotina (zona de conforto) será entendido por ele assim. Em geral Seu cérebro irá utilizar de todos os truques possíveis para lhe desviar de concretizar sua lista. Dieta, exercícios físicos, matricular em um curso, novo trabalho, etc… – itens que aparecem com frequência em listas de resoluções – serão entendidas pelo seu cérebro como desconfortáveis, inseguras ou incertas, e ele usará de todos os truques para lhe desviar da concretização.

Um destes truques é racionalizar. O que eu chamo de espiral “E se?”. Quando uma ideia ou desejo surge, imediatamente esta espiral se inicia de modo inconsciente: E se não der certo? E se eu não tiver os recursos necessários? E se…… pode completar a sua vontade! Esta espiral vai criar todas as barreiras possíveis para impedir de realizar o que você quer e lhe manter no que seu cérebro entende como “zona segura”.

Apenas faça !!

Para driblar essa tendência o segredo é fazer algo de imediato para tornar a ideia ou o desejo concreto. Qualquer movimento é válido. Anotar a ideia ou desejo, fazer uma busca na internet, conversar com um amigo… isto vai impedir que seu cérebro te sabote.

Não digo para que você saia fazendo tudo o que aparece na cabeça como um impulso. Apenas coloque em movimento é possível que em um outro momento você possa descartar, mas jogar um desejo ou uma ideia no lixo no nascedouro não é algo saudável e te impede de realizar muitos sonhos.

Voltando a sua lista…

Quantos itens de sua lista de 2018 são reproduções de anos anteriores que você, em sua conversa interna de “E se…” já não deixou de viver? Conseguir realizar desejos exige sim um certo esforço e deslocamento para fora da zona de conforto mas a recompensa é doce. Tão doce como uma vida que te permitirá dizer que valeu a pena !!

E fica a pergunta….

O que você quer fazer antes de morrer ?

Fonte : texto de Airton Guariza

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *